QualiÔnibus - Dia Um de Operação

(Foto: Mariana Gil / WRI Brasil | EMBARQ Brasil)

 

O sucesso de um sistema BRT (Bus Rapid Transit) reside além da implantação de sua infraestrutura. O primeiro dia de operação é estratégico para que, através da prestação de um serviço eficiente e de qualidade, a imagem do sistema se mostre forte e confiável ao usuário. Logo na primeira experiência, deve-se perceber a melhoria em relação ao serviço ofertado anteriormente. É também na inauguração que o sistema é utilizado pelas autoridades públicas e, consequentemente, recebe ampla atenção da mídia. Com este foco, o WRI Brasil Cidades Sustentáveis oferece, dentro do programa QualiÔnibus, o projeto Dia Um de Operação junto às agências e empresas responsáveis pela operação e controle do novo sistema.


Dia Um em Brasília (Foto: Mariana Gil / WRI Brasil Cidades Sustentáveis)

O projeto consiste em uma imersão no sistema local, através de reuniões com os departamentos responsáveis e demais envolvidos, visitas às obras de infraestrutura, e palestras e atividades diretamente relacionadas aos dias que antecedem a inauguração do BRT. Através de situações vivenciadas por outras cidades do mundo, tem-se a dimensão dos desafios enfrentados, o que contribui para a melhor preparação da cidade em questão. Durante este período, as agências de transporte são auxiliadas no desenvolvimento e na revisão de manuais e procedimentos operacionais, além de planos de contingência para minimizar riscos comuns que ocorrem no início da operação, prevendo desafios e elaborando estratégias para superá-los.


Dia Um em Brasília (Foto: Mariana Gil / WRI Brasil Cidades Sustentáveis)

A equipe do WRI Brasil Cidades Sustentáveis e especialistas com experiência internacional em gestão de sistemas de transporte coletivo urbano já realizaram este apoio do Dia Um de Operação na cidade de Belo Horizonte, por meio da BHTrans (Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte), e no Distrito Federal, por meio da Secretaria de Transporte.

Fique Ligado

Newsletter

Inscreva-se para receber a newsletter do WRI Brasil Cidades Sustentáveis. Increver-se